Concurso para diplomata 2018 com salário acima de R$18 mil

Carreira requer ensino superior completo e conhecimentos de outras línguas.

Você sonha com a carreira de diplomata? Então a oportunidade pode ser agora. O Ministério das Relações Exteriores finalmente divulgou o edital de um concurso público para o cargo, com apenas 26 vagas. Entenda como funciona o concurso para diplomata 2018 e fique por dentro das principais datas.

O concurso para diplomata é altamente concorrido.

A função de diplomata é cobiçada por milhares de brasileiros. Além de garantir estabilidade e salário alto, ela também proporciona vivências internacionais. Quem deseja investir nessa profissão, no entanto, precisa se preparar para enfrentar um processo seletivo extremamente concorrido.

Concurso para diplomata 2018: vagas, atribuições e salário

Das 26 vagas anunciadas pelo Ministério das Relações Exteriores, 20% serão preenchidas com candidatos negros ou com algum tipo de deficiência. Para assumir a função, a principal exigência é que o candidato tenha ensino superior completo (qualquer área).

O trabalho de diplomata requer dedicação total. Ele precisa estar preparado para gerenciar as relações exteriores do governo brasileiro, acompanhando de perto as discussões internacionais. Os vencimentos totalizam R$18.517,83 (salário mais auxílio-alimentação).

Inscrições

Os interessados em participar do concurso para diplomata 2018 devem acessar o site do Cespe UnB, entre os dias 2 e 16 de julho. Na página, é preciso preencher um formulário de candidatura e pagar a taxa de inscrição, no valor de R$230,00.

Os candidatos, que não possuem condições financeiras de pagar a taxa de participação, devem solicitar isenção. Essa gratuidade é concedida para os inscritos no CadÚnico, doadores de medula óssea ou integrantes de famílias de baixa renda.

Como funciona o processo seletivo para diplomata?

1ª Fase

A primeira fase consiste numa prova objetiva, composta por 73 questões. Ela acontecerá nos 27 estados brasileiros e no Distrito Federal, no dia 26 de agosto de 2018. Os candidatos terão que demonstrar os conhecimentos sobre Língua Portuguesa (10), Língua Inglesa (9), História do Brasil (11), História Mundial (11), Política Internacional (12), Geografia (6), Noções de Economia (8) e Noções de Direito e Direito Internacional Público (6).

2ª Fase

Os 260 primeiros classificados seguirão para a segunda fase do concurso, que consiste nas provas escritas de Língua Inglesa e Língua Portuguesa. A aplicação está marcada para os dias 22 e 23 de setembro.

3ª Fase

As provas escritas da terceira fase serão aplicadas de 28 a 30 de setembro. Os participantes terão que resolver questões discursivas sobre História do Brasil, Geografia, Noções de Economia, Noções de Direito e Direito Internacional Público, Língua Espanhola e Língua Francesa.

Os candidatos, aprovados na terceira etapa do concurso, serão convocados para exames pré-admissionais e perícia médica. O resultado final será divulgado no dia 21 de dezembro. Além disso, eles terão que realizar a matrícula no curso de formação do Instituto Rio Branco.

Edital em PDF

Para conferir informações mais específicas, leia com atenção cada tópico do edital:

→ Edital do processo seletivo para diplomata 2018

➜ FICHA TÉCNICA

  • Órgão: Ministério das Relações Exteriores
  • Banca organizadora: Cespe/UnB
  • Escolaridade: nível superior
  • Área: serviço exterior brasileiro
  • Cargos: diplomata
  • Número de oportunidades: 26
  • Salário: R$18.517,83
  • Prazo de inscrição: de 2 a 16 de julho de 2018
  • Taxa de Inscrição: R$230,00
  • Provas (primeira etapa): 26 de agosto de 2018

A partir da data de homologação, o concurso para diplomata 2018 terá validade de 90 dias, podendo ser prorrogado em igual período. Dúvidas? Deixe um comentário.

Comente